• Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
  • default color
  • cyan color
  • red color
Dicionário Nordestino - Letra D
Índice do Artigo
Dicionário Nordestino
Letra A
Letra B
Letra C
Letra D
Letra E
Letra G
Letras H, I, J
Letra L
Letra M
Letra N
Letra O
Letra P
Letra Q
Letra R
Letra S
Letra T
Letras U, V, X, Z
Créditos
Todas as Páginas

Letra D

DA BEXIGA - 1. Em grande intensidade. Ex. Estou com uma fome da bexiga!
DA PESTE - Algo extraordinariamente bom ou ruim.
DANAÇÃO - Confusão, pressa, trapalhada.
DANOU-SE - Tá perdido
DANOU-SE! - (ô) 1. Saiu apressado. 2. Expressa admiração, entusiasmo, espanto, surpresa.
DAR CHABU - 1. Dar errado, falhar. 2. Defeito em fogo de artifício.
DAR COM A MÃO - Sinalizar com a mão.
DAR FÉ DE - Perceber.
DAR FIM - 1. Gastar, consumir. 2. Acabar, concluir, encerrar, matar.
DAR GASTO - Consumir, usar.
DAR GOSTO - Dar prazer, ou satisfação. Ex.: A qualidade é de dar gosto!
DAR NA FRAQUEZA - Sentir fraqueza ou moleza.
DAR NO COURO - Conseguir fazer sexo.
DAR O GRAU - Caprichar. "Pode deixar que vou dar o grau no seu carro"
DAR O MAIOR 10 - Gostar muito.
DAR O PREGO - Enguiçar.
DAR PARTE DE - Delatar. Denunciar.
DAR TRANCO - Dar bronca. Dar carão. Repreender.
DAR UM AGRADO - Dar uma gorjeta ou uma lembrança.
DAR UM CARÃO - Dar uma bronca. Repreender.
DAR UMA BARRIGADA - Defecar
DAR UMA PRENSA - Dar uma bronca. Pressionar.
DAR VENCIMENTO A - Dar conta do pedido ou serviço.
DE BARRIGA - Grávida.
DE BELEZA - (gíria) De graça.
DE BOI - Menstruada.
DE HOJE - Faz tempo.
DE HOJE A OITO - Daqui a uma semana.
DE HOJE A QUINZE - Daqui a quinze dias.
DE LASCAR O CANO - 1. Bom demais. 2. Desagradável, decepcionante, irritante, etc.
DE PRIMEIRO - Antes, antigamente.
DE VEZ - Fruto em estado ideal para ser colhido.
DEBOCHAR - Desprezar, menosprezar, zombar.
DE MATAR OGUARDA Bom, Gostoso.
DEFORETE – Escapada. (Vou tomar um deforete, mudar de vida, escapada)
DEIXA DE PANTIN - Deixa de onda; Deixa de frescura (fulano está com pantin, com manha)
DEMENTE - Indivíduo lento, lerdo, vagaroso.
DERNA – Desde
DERNONTONTE – Tem ainda
DERRADEIRO - Último.
DESARNAR - Desasnar. Aprender algo, ativar, avivar, deslanchar, despertar.
DESCABRIADO - Desconfiado, que não confia em algo ou alguém.
DESCORADO – Amarelo
DESDROBO - Desdobro (dô) argumento pouco convincente ou sem importância.
DESEMBESTADO – Sem rumo
DESGRACEIRA NO CAMINHO DA FEIRA - Confusão, lasqueira, quiprocó.
DESGRAMA - Desgraça.
DESGRAMADO - Desgraçado.
DESMANTELAR - Arruinar, desarranjar, desconjuntar, desorganizar, estragar.
DESPAMPARAR - Desgovernar. Perder o controle.
DESTRAMBELHADO - Atrapalhado, desajeitado, desarrumado, desorganizado.
DEU A BOBÔNICA - Encrencou; fodeu; a coisa pegou.
DEU A GOTA SERENA - Encrencou; fodeu; a coisa pegou
DEU FÉ – Prestou a atenção (“Quando ele deu fé a coisa aconteceu”)
DEU MANDÚ - Deu problema, pegou, agora fodeu
DEU O BUTE - Agora encrencou, nem para frente nem para atrás, fodeu;
DEVER - Lição de casa. Tarefa escolar feita em casa.
DIA DOS ANOS Data do aniversário.
DIABEISSO! - Que diabo e isso! Expressão de espanto.
DIABINHO MALUCO - Um tipo de busca-pé (artefato pirotécnico) pequeno, sem bomba, usado nas festas juninas, principalmente pelas
crianças.
DIACHO - Diabo.
DISTRENADO - Sem graça. "Fica todo distrenado quando elogiado".
DISTRENADO – Sem preparo, Inexperiente
DOR-DE-CORNO - Dor de cotovelo. Tristeza de amor.
DOR-DE-FACÃO - Dor-de-veado. Dor pontiaguda e forte que se manifesta do lado direito do abdome, na altura do baço, resultante de
algum esforço físico intenso.
DOR-DE-MULHER - Cólica menstrual.
DOR-DE-VEADO - Dor-de-facão. Dor pontiaguda e forte que se manifesta do lado direito do abdome, na altura do baço, resultante de
algum esforço físico intenso.
DOR-D'OLHOS - Dor nos olhos causada por afecções (conjuntivite).
DOZE HORAS - Em Sergipe é muito usada tanto para meio-dia, como para meia-noite.



 

Recortes

Vida e Obra de Gonzagão - O mais completo Cordel

MAIS OU MENOS CEM CORDÉIS
No Brasil foram lançados,
E também uns vinte livros
Até aqui publicados,
Tributos a Luiz Gonzaga
Surgem em vários estados.

Eu também fico feliz
Em poder “cordeografar”
Esse artista tão completo
Da cultura popular;
Com vocês, Luiz Gonzaga!
Sua história vou contar!

Mestre Lua veio ao mundo
Exu, lá no Sertão,
Estado de Pernambuco
Numa bela região
Na fazenda Caiçara,
Próxima a um chapadão.

Sexta, 13 de dezembro
Dia de Santa Luzia
Mil novecentos e doze,
Que mais um bebê nascia
Trazendo para seus pais
Felicidade, alegria.