• Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
  • default color
  • cyan color
  • red color
A Fila

Não sei quando começou
Nem quando vai acabar
São tantas em todo canto
Não sei onde vai parar
Esse cordel social
Sobre fila vai falar:

Tem fila pra todo lado
Causa atraso na Nação
A fila tá nas metrópoles
Traz transtorno, confusão
Ela também tá invadindo
O interior e o Sertão.

A fila do INSS
Famosa em todo País
A grande fila bancos
Deixa o povo infeliz
A fila do aposentado
E a do largo da matriz.

Tem fila no restaurante,
Ônibus, trem e elevador
Tem fila na padaria
No metrô causa pavor
Fila até no play Center
No brinquedo do terror.

 

Tem fila no hospital
Essa irrita o paciente
Fila na rodoviária
Pra quem vai rever parente
No aeroporto tem fila
Causa gastrite na gente.

Fila no engarrafamento
Costuma ser quilométrica
Pra fazer uma boa rima
Tem que ser feito na métrica
Eu já vi fila pra tudo
Falta respeito e ética.

Tem fila na prefeitura
Fila pra se aposentar
Pra receber cesta básica,
E o bolsa escola pegar
Fila na tesouraria
Fila até pra se enterrar.

 

Poesia Completa

Você deseja ler está poesia na íntegra? Entre em contato!